sábado, 3 de maio de 2008

Diário de Viagem - Parte 3


Seguindo viagem..


Quarta - 30/04

O dia amanhece nublado e frusta minhas chances de tomar aquele solzinho..
Não tem problema..
Bate uma saudade imensa de Sampa..
talvez pelo céu nublado, pelo cinza de Uberlândia, imitando triste
a terra da Garoa, e da garota!!
Lembro dos meus amigos de lá..
das botas que tomei..
e a comparação é inevitável!!
O amor aqui em Minas, parece ser mais possível..
mas inocente..
vejo isso nos olhos dos meus amigos..
me contando de suas paixões, dos seus sonhos..
É engraçado estar de novo entre pessoas da minha idade..
vivendo as mesmas coisas, tendo a mesma coragem, o mesmo brilho no olho..
O amor em Minas é coisa alegre, mesmo quando é triste!!
Não é aquela coisa medonha e dolorosa de que os paulistas tem tanto medo..
Engraçado..
Mineirada aqui tá sem medinho!!!
uahuahauahahuaaahauaha
Bom, mas aí a saudade desses paulistas volta e eu fico a lembrar da minha patotinha
de quarta feira, do ensaio de quinta, das balas juquinha..
Resolvo que é melhor beber pra esquecer..né?

Onde?
...
Bom, o Matheus me chama pra ir no Ilha do Sol, barzinho da juventude descoladinha de Ubercity..
Meio sem vontade, me animo..
pois vai ser transmitido o jogo do Timão..
Galera reunida de novo..
Gente bebendo, contando caso, falando de coisa séria..
de besteira..torcendo pro Coringão que ganhou de 4X0 (foi mal aê Goiás!!)
e claro..
Cantando muuuuuuuuuuuuuuuuito!
Ou seja, fim da noite, eu, Matheus, Priscila e Wanderson
fechando o bar..com o garçom quase nos expulsando..
uahuahauhuahauhauahuah
04:30 am.. uma passada rápida no habibs pra comer..
Chego em casa 05:00 am..


Quinta 01/05 Feriado

Acordo 07:30 da manhã com um cheirinho de café..
que não dava pra resistir..
tive que levantar e ir tomar um pouco..
Daí aproveitei a família reunida em
casa e já apliquei os vídeos do Youtube: "Hermanoteu na terra de Godah"
e "Mohammed" - os dois do grupo "Os Melhores do Mundo"
e o povo aqui passou mal de tanto rir..
"Hermanoteeeeeeeeeeeeeeu véeeeeeeeeeeeeeeei!!"
Bate a saudade de Sampa de novo..
aiaiaiaia..
Tento esquecer, afinal..

Inventamos de ir para um Pesca e Pague (nem sei como escreve isso..)
imagina a pessoa, com sono..pescando..
e já tomando cerveja de novo..
Afêeeeee!!!
Dormi a tarde inteira..
e à noite a turma não animou sair!!!
Melhor, porque senão não sobra fígado!!

Sexta 02/05

Meu penúltimo dia em Uberlândia amanhece nublado de novo!!
A história da minha caranga tá quase resolvida..
Assisti váaarios programinhas interessantes no Nat Geo e no Discovery..
e a tarde fiquei vendo um joguinho da Uefa Champions League bem legal..
Aliás, parabéns aos torcedores do Chelsea, foi um jogão!!
Naaada como não ter nada pra fazer!!
Minha mãe fez uma galinhada
(afêeeeeeeee) muito gostosa!!Com direito a
Guaraná Mineiro para acompanhar!!!Claro!

A tarde meu telefone toca:
" - Vamo pra cachoeira?"
Eu: "- Obaaaaa!!"
Monto na motona, mochila nas costas e estraaaaaada..
rodamos, rodamos e rodamos e infelizmente não conseguimos encontrar
a porra da Cachoeira de Sucupira..
bagrisse pura..de dois seres que não conhecem a cidade que nasceram
vá se fazer o que?!?!
mas valeu a ida e a volta, porque eu me diverti a valer..
Pegar estrada de moto é beeeeeeeeeeeeeem legal!!
Ainda mais estrada de chão..terra..sentindo o cheiro da natureza..
Bom demais!!

A noite a idéia era reunir a galera pra fazer um auê..
Fomos pro Betão matar as saudades!!
Aquele buteco de esquina tem história pra contar!!!
Como sempre, muita gente reunida,
muita bebida..muita comida!!!
Diversão à valer..
E cantigas..muitas cantigas
pra gente que é a turma que maaaais bebeu e cantou durante essa semana!!
Rolou até reflexões filosóficas acerca do que é: relacionamento, o que é traição..
e o velho e não menos importante: SEXO!


Uberlândia vai deixar saudades..
primeiro, porque aqui, desta vez, me senti quista..
me senti amada..
pelos meus amigos, pela minha família..
pela galera que fez questão de encontrar, de abraçar..
de bater um papo..
de tomar uma junto, de ligar pra dizer um alô..
é engraçado quando você descobre que faz falta em algum lugar..
e que toda sua vida não foi inútil, e que você pode ser legal, pode ser bacana..
pode ser leve e pode ser de graça toda essa farra, todo esse comprometimento com
a diversão de estar com as pessoas que você gosta!!

Uberlândia deixa saudade, e deixo aqui um pedaço de mim..
sim, dessa vez eu quero deixar um pedaço em cada amigo, em cada familiar..
porque dessa vez foi diferente e eu me diverti muito!!

Tô de malas e coração pronto pra voltar pro meu grande amor
que é São Paulo!!
Voltar pra minha casa, pro meu cantinho, pro meu violão..
pros meu foras homéeericos..
e pra toda paulicéia louca que ouso chamar de sonho!!!





E vamo que vamo
porque segunda é dia de traaaaaabalho!!!




Agradecimentos especiais: Gabriela,Matheus, Renata,
Luize, Marco Paulo(MP), Rafael Mori,
Leonardo Pangaré, Lucas "tetas", Rafael Belíssimo,
Rogério Jagger, Wanderson, e todas as pessoas que fizeram desta,
uma viagem mais que especial!!!




Ouvindo_A casa_Lulu Santos (Versão Bili Pamx)

(eu tô voltando pra casa..me vêeeeee!!)

2 comentários:

Luize disse...

Q bom Lu!!!!!
Muito bom saber q sua ida a Udi foi boa!
E sabe pq? Não foi a cidade q mudou e nem as pessoas, e sim sua visão sobre ela. ;)
Vc foi com o coração aberto a aproveitar tudo e todos, todos os dias! Isso q é bom!
Fazer todos os dias como se fosse o último!

Agora vc entende pq eu te "esculaxo" qndo vc mete o pau em udi? sahuishaiuhsaui...

E não tem o q agradecer não viu?! ;)

Qndo for de novo bora marcar de ir juntas de novo... asihuASUHIuihasuhiSA


:**

Vanessa Silva disse...

Oi Lu!

Não posso deixar de comentar...hehe

Concordo com a Luize, determinados acontecimentos nos fazem enxergar a vida diferente...o melhor que levamos nos momentos difíceis é o aprendizado...este que nos faz amadurecer e por que não voltar a sentir o cheiro das coisas, o sabor e as cores.....não que estivessem esquecidos...mas como nada é por acaso, muitas vezes as coisas simplesmente perdem o brilho e não nos damos conta....viver vale a pena, SEMPRE....principalmente qdo tem cheiro de café de mãe e outras guloseimas que tem gosto de infância!
Digo isso por experiência própria....saudade machuca, dói pra poxa....mas tbm nos ensina.....


Seja bem vinda a Sampa, Cidade que deixa saudades qdo estamos longe e q muitas vezes parece querer nos engolir qdo estamos nela....

Preciso ir a sua Ubercity....essa história de amor sem grandes sofrimentos me animou rsrsrsrs

Então Véi...prepara seu casaquinho camuflado pq ta frio pra burro por aqui!

Beijão!

Van